Lajedo

Minha participação na sessão de convidados especiais no Coletivo Claraboia. Espero que gostem. Agradeço ao pessoal do coletivo pelo espaço.

Coletivo Claraboia

Imagem: Lais Schulz Imagem: Lais Schulz

Neste exato momento
vi fotografias cruzando o ar
Sim, neste exato momento
Sumiram assim
antes do segundo findar
Abraços e beijos
vi também cruzando o ar
Sim, neste exato desejo
Sumiram assim
antes do atraso argumentar
Vi o que eu era
O futuro distante
Não existe mais espera
Sim neste exato arpejo
antes do verso terminar
Tudo o que digo
Minha mãe, meus amigos
Se deitam nesta rede
Neste inexato terreno
Antes da construção se levantar
Qualquer hora
onda atropela passarinho
Num galope veloz
Envelope derruba o ninho
Antes do destino enfim chegar
Se quiser guardar segredo
e à sós conversar
Se ajunte num lajedo
Numa conversa a sussurrar
Antes do bem-te-vi assoviar
Adriano Yamamoto é poeta, nasceu em Abril de 1982 na cidade de São Paulo-SP. Morou até os 18 anos na cidade de Janaúba, norte de Minas Gerais e vive atualmente em Belo Horizonte. Criador…

Ver o post original 24 mais palavras

Anúncios

7 opiniões sobre “Lajedo

  1. Olá Adriano. Que poema inteligente. Nossa. Bem inteligente. Eu precisei ir para google tradutor para descubrir algumas destas palavras, mas eu acho que eu consegui entender of sentimento e sentido do poema. Eu vou passar mais tempo ainda lendo e interpretando.
    Gostei bastante.
    🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s