Menino azarado

crianças-empinando-pipa

Corre menino
Corre pelas ruas de terra
Porque a Terra
Do homem ainda ha de se fartar

Mergulha
Mergulha no rio
Porque o rio,
Nem o de Janeiro ha de sobrar

Pobre menino
Já nasceu com tudo por se acabar
Mas isso tudo
Não acontece só por azar
Pergunte a árvore
Pergunte ao ar

Adriano Yamamoto (09/11/2012)

19 opiniões sobre “Menino azarado

  1. Adriano, você não lembra de mim, que sou sua prima(Marly) de São Paulo, moro agora em Bertioga. Temos aqui um grupo que divulga artistas e poetas locais, me dê sua permissão para divulgar sua poesia no sarau de domingo. Aguardo resposta,

    Um abraço

    • Oi Marly, tudo bem? Me lembro de você, com certeza! Tem até uma foto antiga lá em casa que tem você. Nossa, seria um prazer ter a minha poesia divulgada num sarau aí. Pode sim! Me mande seu email pra trocarmos umas idéias e você me explicar melhor sobre o grupo. Um grande abraço! Fico feliz que tenha me encontrado aqui. Meu email é adrianocomunic@gmail.com.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s